.

.

3 de abril de 2011

MONÓLOGO de um político corrupto (Parte I)



Obrigado povo besta
Por permitir a corrupção,
tentam de todo modo me derrubar,
mas tenho uma muralha de proteção.

Ter um promotorzinho nas mãos 
para garantir a defesa dos ataque,
isso é muito fácil, basta convidá-lo
para tomar um drink ou um conhaque.

Pescaria na minha fazenda,
promotor na minha rede de pesca,
Que venha os processos contra mim,
nada me atinge, tudo vira festa.

Vereadores venham a mim,
o povo não interessa.
Quatros anos passa logo,
minha ambição tem pressa

Como é fácil corromper 
toda Câmara municipal.
Dos 10 só falta um 
por causa do vínculo paternal

Que venha TCE, TCU, CGU
ou POLÍCIA FEDERAL ,
tenho padrinho forte,
Não adianta essa pilha processual

Ficha limpa, ficha suja,
não adianta aplicá-la.
Conseguir minha candidatura
o povo é que fica a sonhá-la.

Sou um político nota 10
Assim me auto-consagrei,
Pois tenho a arte do engano.
Para roubar nunca vacilei.

Só me dar raiva é ver
blogueiro metido a poeta,
fazer poema da minha corrupção
e me fazer de pateta.


ENEDILSON SANTOS
(Poeta da cidadania)

0 comentários:

ÚLTIMAS POSTAGENS

.

.

POLICIA

Veja mais desta categoria! »

CHAPADINHA

Veja mais desta categoria! »

AUTO ESCOLA PACHECO

AUTO ESCOLA PACHECO

.

EDUCAÇÃO

Veja mais desta categoria! »

ESPORTE

Veja mais desta categoria! »

.

.

.

DICAS E CURIOSIDADES

Veja mais desta categoria! »

POLITICA

Veja mais desta categoria! »

.

CHARGE

Veja mais desta categoria! »

FESTAS E EVENTOS

Veja mais desta categoria! »

.

CLASSIFICADÃO

Veja mais desta categoria! »

VÍDEOS

Veja mais desta categoria! »